9 de jan de 2011

O VERDADEIRO AMOR...
O Amor é o mais puro e significativo sentimento que podemos ter.
O melhor Amor é aquele que não há necessidade de estar
a todo instante falando que se Ama, mas sim aquele em que
todos os instantes estamos regando como uma semente a germinar,
porque este tipo de Amor é eterno.
Existem confusões e muitas, entre Amor e Paixão.
A Paixão nos arrasa, devasta tudo e a todos,
achamos que estamos voando e logo caímos ao chão sem amortecedores.
O Amor não, o Amor nos remete a reflexões calmas e profundas,
suaviza tudo a nossa volta, o Amor nos completa
e temos a certeza do que queremos e as dúvidas não nos assombram
porque as dúvidas ficam para os que não Amam verdadeiramente.
Por isso entre a Paixão e o Amor existe um abismo tão grande,
porque o verdadeiro amor é eterno e as paixões têm um tempo para acabar.
Ao contrário do Amor, que quando acontece, passa o tempo,
passam os problemas e ele a todo tempo é renovado é fortalecido.
Por isso vale lembrar que o melhor Amor é aquele que acontece
lentamente, porque é nele que nos fortalecemos,
é nele que amadurecemos e é nele que construímos algo verdadeiro.