29 de jul de 2011




Um sorriso não custa nada,
mas cria muitas coisas.
Dura só um momento, mas sua lembrança
perdura pela vida a fora. Não se pode comprá-lo,
mendigá-lo, pedi-lo emprestado ou roubá-lo.
Não tem utilidade enquanto não é dado.
E por isso se no seu caminho encontrares
uma pessoa por demais cansado para
lhe dar um sorriso, deixa-lhe o seu,
pois ninguém precisa tanto de um sorriso
quanto aquele que não tem mais um a oferecer.
Seu sorriso será tão precioso para esta pessoa
que no momento que ela receber ela sentira
a magia da felicidade incendiar o seu viver,
e ela de gratidão lhe retornarar
um belo e meigo sorriso.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.